• O Norte de Goiás

A live de Lúcia e o samba do crioulo doido






Candidata a prefeita de Minaçu, Lúcia Barbosa fez uma live nesta quinta-feira, 29, que a gente não pode deixar de comentar nesta coluna, porque em si foi curiosa, sob o ponto de vista político e técnico. Estrutura muito bem produzida, em estúdio, mas faltou o principal: conteúdo e coerência.


A estrutura foi montada em Goiânia para que os secretários do Governo participassem, e eles estiveram lá, mas para falar de outra coisa, não das conquistas e obras que o governo já tinha feito até aqui. Esse assunto ficou para o plano futuro, do meio ambiente ao turismo. Tudo será possível ano que vem.


Vimos ali uma candidata, que apesar de todo o esforço, não conseguiu se sobressair, com respostas desconexas, sobrou claramente para o vice, pastor Amilson, e os outros convidados segurarem as pontas da live.


Naquela altura, a live já passava de 1.8mil visualizações, supostamente, número gerado, a partir da compra de visualizações fake views. Não é de hoje que isso acontece em outros lugares, mas na live de Lúcia ficou evidenciado, pela oscilação do número de gente acompanhando, e pelo fato da candidata não ter ganhado novos seguidores nesta manhã.






*A assessoria da candidata entrou em contato para informar que a live foi realizada no perfil pessoal, não na Página.

Todos os direitos reservados - 2015-2019 Jornal O Norte de Goiás