• serra verde

Seabra não tem parentes lotados na Câmara de Minaçu



A crise que se instalou em Minaçu, dada a proposta de criação da OS, tem feito os políticos da cidade apelarem para toda espécie de estratégia para reduzir a pó a imagem de seus adversários. A última veio em forma de uma matéria que circula em um site denominado “Fala Mais”. O Portal afirma que o presidente da Câmara, Edmilson Seabra, teria parentes lotados em órgão público, deduzindo ser a Câmara de Minaçu. (Clique no link)


O Portal NG confrontou a lista divulgada pelo site e os nomes relacionados na lista dos servidores lotados na Câmara e não encontrou vestígio de contratação irregular. A lista de servidores da Câmara pode ser acessada por qualquer cidadão através deste link no Portal da Transparência.


Por outro lado, Seabra tem o filho, Lucas Seabra, e o irmão, Amilson Seabra, presidente do DEM no município, lotados no Governo do Estado - o que, em tese, não caracteriza nepotismo por se tratar de poderes distintos.


O Portal NG tentou falar com Seabra mas ele não retornou as ligações.


OUTRO CASO


Outro caso que circula com força entre os grupos de Whatsapp é o suposto diálogo entre o vereador Sílvio do Filó e o ex-prefeito Nick Barbosa. No print, Sílvio trata com o ex-prefeito um acordo para intensificar a mobilização contra a proposta da OS nas redes. O curioso é que tanto Nick quanto Sílvio escrevem um "português" diferente do que naturalmente falam. O ex-prefeito até conjuga o verbo perfeito no imperativo e usa "vírgulas" e "dois pontos" para se fazer entender:






O Portal NG mantem a sua postura contrária à disseminação de fakenews.

Todos os direitos reservados - 2015-2019 Jornal O Norte de Goiás